Jean-Marie Massaud

10 de Abril de 2017

“Reinventar, redefinir uma forma para torná-la surpreendente”, essa é a filosofia criativa de Jean-Marie Massaud. “Quando trabalho num projeto, tenho sempre essa perspectiva de renovar o assunto com o qual estou envolvido”, comenta o designer de interiores que assina o projeto “Orbit”, uma luminária anelar que também pode se transformar num abajur. “Orbit” é uma lâmpada de mesa e um sistema pendente personalizável que utiliza o know-how tecnológico da Nemo para produzir uma luminosidade etérea com um anel que une as funções de lâmpada e fonte de iluminação. O resultado é um sistema ultra-tecnológico que pode ser posicionado no espaço para fornecer uma luminosidade direcional, difusa e acolhedora.

Disponível em forma de abajur ou suspensão, “Orbit” é alinhada com um único difusor numa elaborada montagem de policarbonato e uma centena de micro-cabos, uma inovação desenvolvida especificamente pela empresa Nemo. Cada ponto luminoso difunde a luz através de delicados micro LEDs. A luz torna-se viva, um halo vibrante com um design radical, conferindo ao objeto um valor escultural e atemporal. “Quis apagar todos os vestígios do esforço técnico, mesclando o abajur e sua fonte de luz para desenhar um objeto gráfico e arquitetônico, que pode ser tanto utilitário como decorativo”, atesta o designer francês.

A estrutura de “Orbit” é em alumínio com detalhes em ardósia e a versão suspensa, em forma de anel, pode ser personalizável com uma configuração gráfica mínima ou complementada por diferentes “saias” trançadas de palha, papel ou folhas de madeira para materializar um volume no espaço, onde os LEDs vão difundir uma luminosidade apropriada para cada ambiente.

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®