Maison Chloé

28 de Julho de 2017

“Não é uma loja, não é um estúdio, é um espaço dedicado à história da marca de moda Chloé, um lugar consagrado a projetos culturais, capazes de ilustrar e celebrar a herança da Maison francesa”, é assim que o local é apresentado pela cenógrafa Judith Clark.  Abrigado no numero 28 rue de la Baume, um belo edifício de arquitetura “Haussmanniana”, próximo ao Palácio do Eliseu, esse novo espaço cultural, que ocupa cinco andares, dos quase três são abertos ao público, agrega arquivos raros e promove exposições temporárias da Maison Chloé. Para a inauguração, o trabalho do francês Guy Bourdin promove uma imersão nesse universo ultra feminino que festeja 30 anos de colaboração entre o talentoso fotógrafo e Chloé.

Além de “Feminilidades” com clichés de Guy Bourdin, a cenografia apostou num espaço batizado de “Chloé Girls Room, Anthology A-Z”, localizado no mezanino, que exibe as fascinantes criações, lembranças e objetos variados que marcaram a história da Maison. Seguindo uma cartilha personalizada que pontua, em ordem alfabética, as coleções mais emblemáticas, o visitante pode visualizar uma variedade de modelos e croquis, assinados pelos estilistas que passaram pela Maison como Stella McCartney, Karl Lagerfeld, Phoebe Philo, Hannah MacGibbon, Clare Waight Keller até chegar a letra Z para “zip”, em referência a própria criadora da marca, a francesa Gaby Aghion.

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®