“Private Choice”

11 de Outubro de 2017

O sucesso desse evento anual deve-se, sem dúvida, a personalidade vibrante de sua mentora, Nadia Candet, uma enciclopédia ambulante de contatos criativos que tem o dom especial de antecipar e valorizar em primeira mão os melhores talentos das artes decorativas para preencher esse evento de belos objetos. Em sua 5ª edição, Private Choice, que acontece de 16 a 22 de outubro, tem ganhado notoriedade como cartão de visitas intimista, precedendo a Feira Internacional de Arte Contemporânea – FIAC, que se passa concomitantemente em Paris. Além de nomes estabelecidos do design internacional, Candet segue a sua intuição para escolher os novos designers que serão conhecidos pelo grande público e pelos amantes das artes.

Para fazer perdurar a emoção desse evento parisiense com alma internacional, Candet se apropria durante alguns dias de um belo apartamento situado no triângulo de ouro parisiense, na Avenue Franklin D. Roosevelt, que se transforma numa requintada galeria pop-up privada. Luxuosamente decorado, “Private Choice” acolhe edições limitada, produtos e instalações deslumbrantes para que o visitante se sinta realmente “em casa”. Além dessa proposta decorativa exuberante, Candet seleciona as melhores opções em objetos decorativos e artísticos, compilações de alto design, mobiliário, sofisticados acessórios, peças de cerâmica artesanal e produtos originais tudo inspirado pelo espírito moderno dessa desbravadora da beleza e do bom gosto.

No teto, o lustre de 38 balões assinado por Matteo Gonet dá o tom dessa proposta inovadora, uma forte presença de galeristas, designers e artistas contemporâneos estarão a postos durante o evento para apresentar suas criações e assessorar o público elucidando questões. “Private Choice” compreende ainda edições limitadas de livros da editora “Taschen” em formato e proporções especiais, peças dos designers dos anos 1950-1970, como Joe Colombo, Pierre Guariche, Robert Mathieu. “Showstudio”, imaginado por David Apheceix e Vincent Le Bourdon, prefigura um objeto de arquitetura, além do atelier “Swarovski Home” conduzido pelos talentosos Aldo Bakker, Fredrikson Stallard e Kim Thomé com seus elementos polivalentes que agregam interesse visual sem serem classificados como decoração pura.

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®