Salve Frida

6 de Setembro de 2018

Depois que Madonna e Salma Hayek disputaram o papel principal para interpretar Frida Kahlo no cinema, a pequena pintora de arte naïf mexicana tornou-se uma figura indispensável da arte do século XX. O museu Victoria and Albert em Londres, presta homenagem a artista na exposição intitulada “Frida Kahlo: Making Her Self Up”, que exibe uma extraordinária coleção de artefatos pessoais e roupas pertencentes à icônica artista mexicana. Trancada por 50 anos após sua morte, esta coleção privada que nunca foi exposta fora do México, é composta de cerca de 300 itens e coloca em evidência a vida da artista. “Frida Kahlo: Making Her Self Up”, que fica em cartaz até 04 de novembro, destaca a relação íntima de Frida com suas limitações físicas e sua inabalável auto-estima, mergulhando no coração da sua lendária existência para revelar a arte trágica dessa artista gravemente marcada pela vida.

IMAGEM © Museo Frida Kahlo © Diego Rivera and Frida Kahlo Archives, Banco de México 

© Nickolas Muray © The Jacques and Natasha Gelman Collection of 20th Century Mexican Art and The Verge, Nickolas Muray Photo Archives

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®