Thierry Lemaire

6 de Outubro de 2015

06_thierrylemaire_adinterieurs15-photo-claire-israel

Para festejar mais uma primavera, AD Intérieurs convidou 15 decoradores, designers e criadores para montar cenários que reflitam os modernos modos de vida. Do escritório à cozinha, passando pela sala, todos se impregnaram de suas referências estéticas para criar uma cenografia rica e imaginativa colocando em evidência a decoração de interiores do futuro. A apresentação desses projetos no Palácio de Iéna, sede do Conselho Econômico, Social e Ambiental, mostrou vários cenários criativos em harmonia com essa temática atual. Correspondance Magazine® entrevistou com exclusividade Isabelle Stanislas, Bismut & Bismut, Dimore Studio, Damien Langlois-Meurinne, Thierry Lemaire, Patrick Norguet, Oitoemponto, Daniel Suduca e Thierry Mérillou para conhecer em detalhes suas histórias, aspirações, novos projetos e muito mais… Boa inspiração!

Fale-nos um pouco da sua trajetória…

– Estudos de Arquitetura em Paris e criação de uma agência após o término do curso. Para na sequência começar à construir edifícios em Paris nos anos entre 1987 e 1990. Em seguida, design e decoração com a realização de móveis para os meus clientes e, durante dois anos, edições para Fendi Casa e Holly Hunt.

Quais são suas fontes de inspiração?

– Gosto da mistura de estilos porque acredito que existem criadores de talento em todas as épocas. Tenho uma pequena preferência pelos anos 40 de J.M. Franck, pelo vintage mas também pelo estilo Directoire.

Quais as palavras que melhor definem seu trabalho?

– Gostaria que meu trabalho fosse qualificado de original, elegante e atemporal.

Como você escolhe os materiais com os quais irá trabalhar?

– Visualmente mas também através do toque.

Você trabalha sob o ritmo das tendências ou segue sua própria intuição?

– Acredito ter armazenado uma grande quantidade de informações sobre o meu trabalho e, as utilizo de bom grado para guiar minha intuição. Por contraste, não confio muito nas tendências porque o meu objetivo é trabalhar com o que é atemporal.

Existem personalidades do mundo da decoração, do design ou outra área que os inspiram?

– Os grandes clássicos como Le Corbusier e Niemeyer que transformaram a base e a filosofia da arquitetura, J.M. Franck pela elegância e perfeição do seu trabalho na decoração, Michel Boyer pela sua maneira única de trabalhar as curvas ou, mais recentemente,  Vincenzo de Cotiis pela sua originalidade no uso de materiais inusitados.

Como você se define: designer de interiores, decorador ou criativo?

– Até os anos 60, alguns criadores estavam envolvidos tanto na decoração, no design de mobiliário e de interiores assim como na arquitetura. Esta qualificação de “montador” me convem.

Quais são seus novos projetos?

– Arquitetura de uma villa em Comporta, em Portugal, restaurante em Paris, apartamentos e villas no exterior. Um hôtel particulier em Paris, além disso, trabalho em projetos privados na Suíça, Portugal, Líbano, Marrocos e Tunísia, entre outros.

Com o que você sonha?

– Em criar um barco, da concepção ao design de interiores.

www.thierry-lemaire.fr

 

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®