Masculinidades da moda

19 de janeiro de 2022

“Ao longo dos anos, aprendi que o importante em um vestido é a mulher que o usa.” A famosa frase de Yves Saint Laurent revela um preconceito antigo: moda é assunto só de mulher. No entanto, sua história diz o contrário, nutrida por séculos e séculos de evolução e inovação no guarda-roupa masculino. É sobre este patrimônio que a próxima exposição “Fashion Masculinities: The Art of Menswear”, sediada no Victoria & Albert Museum, prestigiada instituição londrina dedicada às artes decorativas e ao vestuário, abrirá as suas portas no dia 19 de março.

Explorando a evolução do vestuário masculino desde o Renascimento até os dias de hoje o programa da exposição “Fashion Masculinities: The Art of Menswear”, organizada pelo Victoria and Albert Museum em parceria com a Gucci, é dividida em três capítulos, 100 peças de moda e 100 obras de arte permitirão à instituição londrina homenagear os principais movimentos e tendências, ícones e designers que redefiniram a masculinidade no Ocidente. Para sua primeira exposição em grande escala dedicada exclusivamente à moda masculina, o museu associou-se à Gucci, parceira do evento. No programa, mais de uma centena de roupas e acessórios obras de arte vão reconstituir, desde o Renascimento até aos dias de hoje, os modos de ser homem na sociedade à luz das suas recentes evoluções, num conjunto nada exaustivo organizado em três partes: ‘Desvestido’, ‘Exagerado’ e ‘Revestido’ (“Undressed”, “Overdressed” e “Vessed”).

Enquanto a primeira parte se concentrará no corpo masculino nu, suas representações e seus desvelamentos através, entre outras coisas, de uma escultura de Auguste Rodin, planos de Zanele Muholi ou David Hockney, cenários de Jean Paul Gaultier e cuecas Calvin Klein, a segunda vai se concentrar especialmente nas expressões vestimentares do poder na história: a dos aristocratas, cavaleiros e outras elites da história, transcritas por pinturas de época, peças luxuosas assinadas pela Fendi, Dolce & Gabbana ou Wales Bonner inspiradas nessas pompas, mas também as de celebridades contemporâneas como como Billy Porter, ator conhecido por suas aparições extravagantes no tapete vermelho, ou Harry Styles, regularmente vestido com as criações maximalistas de Alessandro Michele para Gucci.

Assim como essas duas personalidades, outros ícones que inspiraram e transformaram o guarda-roupa masculino estarão presentes na exposição, como o mais famoso dândi George Brummell do século 19, os Beatles e David Bowie ou ainda Sam Smith, um pop star não-binário cujas roupas brincam voluntariamente com a transgressão de gênero. Por fim, é o traje que será homenageado na última parte da exposição denominada “Revestida”. No final do século XVIII, no Ocidente, ocorreu o que será chamado de “Grande Renúncia Masculina”, durante a qual o guarda-roupa masculino abandonou a ornamentação e a opulência em favor da uniformidade e grande sobriedade.

No entanto, a sobrecasaca ou mesmo o paletó estavam na moda na época, incentivando o nascimento de um verdadeiro know-how na alfaiataria, principalmente na Inglaterra. Dessa forma a exposição explora a evolução do terno masculino, suas reinvenções, revoluções e rupturas trazidas por designers como Alexander McQueen, Tom Ford, Raf Simons, Jonathan Anderson e Rick Owens. “Fashion Masculinities: The Art of Menswear” propõe explorar as suas mutações do vestuário masculino e a sua diversificação através do prisma da moda de ontem, hoje e amanhã.

Reportagem Especial Correspondance Magazine®

IMAGEM – Cortesia Chris Steele-Perkins, Market Tavern, Bradford, England, 1976 © Chris Steele-Perkins/Magnum Photos. Jean-Baptiste Belley, by Omar Victor Diop, 2014, Pigment inkjet print on Harman by Hahnemühle paper. MAGNIN-A Gallery, Paris New Adventures, Spitfire – an advertisement divertissement Director & Choreographer Matthew Bourne Costume Designer Lez Brotherston Associate Artistic Director Etta Murfitt Dancers Will Bozier, Harrison Dowzell, Glenn Graham, Andrew Monaghan, Liam Mower, Dominic North Featured in Dancing Nation by Sadler’s Wells & BBC Arts, January 2021 © Kaasam Aziz © Wool coat and trousers, and silk top hat, United States, 1845-1853 © Victoria and Albert Museum, London. Omar Victor Diop. Joshua Reynolds Portrait of Charles Coote, 1st Earl of Bellamont (1738-1800), in Robes of the Order of the Bath, 1773-1774 © The National Gallery of Ireland. Portrait of Prince Alessandro Farnese by Sofonisba Anguissola, c.1560 © The National Gallery of Ireland

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®