Barcelona em dias nublados

12 de dezembro de 2020

Barcelona é o paraíso dos caminhantes, até mesmo em dias nublados. Sua arquitetura emblemática mistura o antigo e o contemporâneo, o mar e a montanha, o pós-moderno e o primitivo. Passear pelo Bairro Gótico, apinhado de ruas estreitas e escuras, que abrigam antigas lojas de artesãos, é como retornar à Idade Média. Caminhando pelo Passeig de Gracia, apreciando suas boutiques chiques e os edifícios ousados ​​e enigmáticos de Antonio Gaudi, o filho arquitetônico favorito de Barcelona, ​​fica fácil perceber por que esta cidade é conhecida como a capital do design da Espanha. E, é claro, há Las Ramblas, a via mais famosa da cidade, onde as pessoas ficam boquiabertas com artistas performáticos, pintores de retratos, papagaios à venda e desfile de pedestres.

Nos últimos anos, os bairros antes arenosos de Born, El Raval e Barceloneta surgiram como a nova cara de Barcelona – lar de alguns de seus melhores restaurantes, bares e lojas de grife. Impossível passar algum tempo em Barcelona sem viajar para fora dos limites dessas três áreas vibrantes. Quer seja a sua primeira visita à cidade ou a décima, você deve ir a Las Ramblas. Junte-se ao que parece ser toda a população local e estrangeira em uma expedição matinal de compras na extensa Boqueria (La Rambla, 91), que existe, de uma forma ou de outra, desde o início do século 18.

Se uma viagem entre as centenas de barracas se tornar uma experiência estonteante, encontre um lugar no balcão do famoso restaurante de tapas, o Bar Pinotxo para um breve descanso e uma refeição matinal. Experimente os deliciosos croquetes de bacalhau. Mergulhe na sobrecarga sensorial que é a avenida mais famosa desta cidade, com seus mercados de pássaros, barracas de flores, músicos de rua, mímicos, bares de tapas caríssimos e centenas e centenas de pessoas – locais e turistas – para um passeio à tarde. Quando você se cansar da multidão (não vai demorar muito), mergulhe no oásis da Plaça Real, repleta de palmeiras, para uma pausa restauradora e talvez para degustar uma caña gelada numa das várias cervecerías que margeiam esta praça histórica.

Copacabana  encontra Barcelona na faixa de casas noturnas ao ar livre ao longo do Passeig Marítim de la Barceloneta. Essa área anteriormente abrigava dezenas de fábricas antigas e restaurantes decadentes que bloqueavam o acesso à orla mas que foram demolidos para acolher os Jogos Olímpicos de Verão de 1992, uma reforma que ainda está valendo a pena, e deu origem a uma praia mediterrânea maravilhosa com um calçadão que oferece aos pedestres a possibilidade de passear, se exercitar fisicamente e tomar sol.

Grande parte da população de Barcelona parece dirigir-se ao bairro litorâneo de Barceloneta para um passeio de domingo à beira-mar.Assista ao desfile de pessoas circulando para lá e para cá, vendedores de rua, de todos os gêneros e nacionalidades, propondo todos os produtos possíveis e inimagináveis. Livre-se deles educadamente e escolha uma mesa ao ar livre. Existem várias opções locais de restaurantes menos turísticos ao longo desta movimentada avenida, você saberá como detectá-los facilmente prestando atenção no público que ocupa as mesas, e delicie-se com um prato de lulas bem preparadas, seguido pela especialidade da cidade, a paella de frutos do mar, tudo acompanhado por um delicioso vinho espanhol branco e fresco.

Enquanto a maior parte dos festeiros da cidade ainda está dormindo, provavelmente tendo ido para a cama algumas horas antes do amanhecer, vá ao Museu Picasso, onde você pode se apropriar dessa coleção suntuosa exclusivamente para você por algumas horas. O museu está aberto das 10h às 20h, de terça a domingo. Existem alguns exemplos excelentes da arte catalã dos dias atuais no Museu d’Art Contemporani de Barcelona, mas a verdadeira mostra está na praça ao lado – uma cena animada de skatistas velozes, jovens famílias em passeios de fim de semana e dezenas de pessoas esperando para andar em carrinhos improvisados ​​feitos de peças improváveis ​​de móveis, de arquivos a cadeiras de balanço.

A cidade é repleta de história e após 40 anos em que Francisco Franco reprimiu Barcelona, ​​a língua catalã e a cultura da região, esta cidade orgulhosa se esforçou para fazer a cultura catalã florescer novamente. Dezenas de habitantes dançam a tradicional Sardana nas manhãs de domingo em frente à catedral do século XIV. Todos os domingos, a Plaça de la Seu, em frente à imponente catedral gótica de Barcelona, ​​no centro histórico da cidade, se torna um palco para os aficionados da sardana. Os dançarinos – a maioria mulheres, elegantemente vestidas com maquiagem completa e joias cintilantes – jogam suas bolsas e jaquetas no meio de um círculo e, em seguida, dão as mãos enquanto dominam os passos intrincados (e pequenos saltos) desta tradicional dança catalã. Você provavelmente terá que doar um ou dois euros para os membros da banda que tocam nos degraus da catedral.

Em se tratando de hospedagem com charme e gastronomia, a capital catalã tem uma oferta enorme de hospedagem, para todos os estilos e bolsos, além de restaurantes populares e lugares luxuosos. Escolha o que for conveniente para você e que entre no seu orçamento. Fica aqui as nossas dicas. A estética do Market Hotel mistura armações de cama de teca e cabeceiras extragrandes com armários laqueados em vermelho e retratos do presidente Mao, enquanto os banheiros são igualmente impressionantes, com pias baixas de pedra e azulejos azul-marinho. Os dois quartos superiores são um pouco maiores e tem camas king-size, varanda e uma sala de estar. Outra opção para apreciar a cidade do alto é a cobertura do Kimpton Vividora Hotel, o Terraza de Vivi, um oásis burburinho de Barcelona. Com uma bela piscina, espreguiçadeiras, pérgulas e uma vegetação luxuriante, o Terraza de Vivi oferece uma deliciosa seleção de coquetéis combinado com pequenos pratos criativos do bar, todos com vista panorâmica da capital catalã. Para comemorar as festas natalinas deste ano, nossa sugestão é o restaurante SOLC, do Hotel Majestic Barcelona, que propõe sua tradicional Escudella barrejada (sopa tipicamente catalã), além de especialidades de frutos do mar.

TEXTO & EDIÇÃO – Marilane Borges

IMAGEM – Christian Nouzillet em reportagem especial para Correspondance Magazine®

NOTA IMPORTANTE – Antes de viajar verifique se as fronteiras do país estão abertas e quais as modalidades de restrições aplicadas aos viajantes internacionais em relação ao Covid

TRANSPORTE – Vôos diretos da Vueling saem diariamente de Paris e aterrissam no Aeroporto de Barcelona – El Prat

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®