Bege não é uma cor

3 de Dezembro de 2019

Em “Beige is not a color”, em tradução livre para o Português, “Bege não é uma cor”, o mais recente livro de Carlos Mota, lançado pela editora Vendome e pode ser adquirido no site da Amazon, o multitalentoso designer de interiores destaca projetos internacionais de decoração que se harmoniosam com cores intensas e cheias de personalidade, confirmando o seu propósito de fazer com que o maior número de pessoas se apropriem de novas palhetas em sua casa. “Não tenho medo de cores. Gosto de declarações ousadas com cores e prefiro os tons ricos, como o pink”, atesta o guru do estilo. Se você não se sente confortável usando tons fortes, comece pincelando pequenos detalhes decorativos, através de acessórios como têxteis, almofadas, mantas, tapetes, que podem ser trocados conforme o seu humor muda. Nessa publicação de mais de 300 páginas coloridas e cheias de bom gosto Mota exibe, ao lado de projetos de arquitetura de interiores internacionais, uma amostra importante de suas próprias fotografias clicadas em suas viagens ao redor do mundo, que podem servir de referência e inspiração para todos os estilos de vida.

Para Mota, a cor bege é considerada institucional e muito clássica para ser levada à sério, além de ser entediante de tristeza. Dito isso, o editor de estilo, designer e consultor de marcas globais se vale de uma palheta colorida que vai além do arco-íris, injetando vitamina em todas as suas propostas decorativas, apoiando-se em pojetos que tiraram partido das cores para injetar uma vibração criativa em todos os ambientes. Folhear “Beige is not a color” é como ler um poema amoroso, onde cada cor tem um significado poético: vermelho de paixão, cor de rosa, azul da cor do mar, laranja de bondade, amarelo de felicidade, verde de esperança, roxo de amor povoam as páginas dessa linda publicação, que é uma verdadeira ode à alegria de viver intensamente. No final, envolvido por essa atmosfera multicromática, o leitor vai concordar com Carlos Mota e afirmar que, de fato, bege não é uma cor porque ela não faz parte do espectro cromático.

TEXTO – Marilane Borges

IMAGEM – Cortesia da editora Vendome Press, do designer de interiores Carlos Mota e dos fotógrafos Joanna Vestey, Björn Wallander, Jean-Pierre Vaillancourt, Sartek Kasliwal. Todos os direitos reservados.

Você também pode gostar...

Para receber nossas matérias
Muito obrigado pela sua visita!
Correspondance Magazine®